Home / Como Conquistar Um Homem / Independência Emocional: Faça Alguém Só Ter Olhos Para Você
independência emocional

Independência Emocional: Faça Alguém Só Ter Olhos Para Você

Quer declarar sua independência emocional? Então continue a leitura… Caso não, é melhor nem começar…

Se você quer entender o que faz uma pessoa ter olhos apenas para você, você chegou ao lugar certo.

Mais que isso… Se você quer aprender a praticamente controlar a mente da pessoa que você ama, você está no lugar certo.

Se você também quer descobrir a verdade sobre o que faz alguém esfriar e perder completamente o interesse em estar ao seu lado, eu também irei revelar isso.

Talvez você seja uma pessoa que está buscando fazer as pazes consigo mesma, resgatar a autoestima perdida depois de relacionamentos fracassados (ou de longos anos sem ninguém), ter mais autoconfiança e conquistar o coração de alguém.

Eu não sei exatamente qual o seu caso, mas de qualquer modo esse conteúdo pode representar um divisor de águas e colocar de volta nas suas mãos não apenas o controle da sua vida amorosa, mas também a pessoa que você deseja.

Se você caiu de paraquedas e não me conhece, meu nome é Alexander Voger. Eu sou especialista na ciência da sedução e dos relacionamentos e estou desde 2006 ministrando cursos, palestras e treinamentos voltados para pessoas que desejam aprender como desenvolver uma personalidade mais atraente para conquistar o relacionamento e alguém especial que desejam.

Nesses anos todos, eu tive a honra de ajudar milhares de homens e mulheres a conquistar os resultados que sempre desejaram em seus relacionamentos. E hoje chegou a sua vez!

Este artigo é a primeira parte de uma Série Especial de 3 publicações riquíssimas, onde eu vou compartilhar com você informações que poucas pessoas, pouquíssimas mesmo, conhecem a respeito.

Meu objetivo aqui é passar para você quais atitudes você deve ter para dominar o que eu chamo de A Linguagem do Amor e conquistar a sua independência emocional.

Ao final dessa sequência de artigos, você irá mudar completamente a sua visão sobre o amor e a sedução, pois vou revelar como colocar um fim no ciclo da rejeição e parar de viver em relacionamentos de esperança.

Estou falando sobre você atrair de forma quase que inacreditável a atração e o interesse de um homem ou mulher para você e até mesmo “forçar” ele ou ela a desejar estar com você.

Mas atenção. Algumas informações que você irá ler podem parecer controversas para você, já que esse tipo de conhecimento é muito pouco divulgado por aí…

Dados os avisos, vamos ao que interessa.

CHEGOU O DIA DE DAR O SEU GRITO DE INDEPENDÊNCIA EMOCIONAL

Alexander, o que é o “ciclo da rejeição”, “relacionamentos de esperança” e “independência emocional?

Ciclo da rejeição é o ciclo de você entrar em uma sequência interminável de comportamentos e atitudes que levam à rejeição e criam relacionamentos fracassados, insatisfatórios e passageiros.

Relacionamentos de esperança são aqueles em que você espera acontecer do jeito que você quer, mas você não tem as atitudes para criar e fazer acontecer o que deseja em sua vida amorosa, e esperar que sua vida amorosa dê certo quase que contando com a sorte.

Independência emocional é um movimento de libertação e absoluto controle emocional, em que você se vê estando bem mesmo nas situações mais difíceis, e dá um basta de vez em todos os padrões emocionais que te limitam e te fazem viver relacionamentos de dependência emocional, recebendo migalhas de tudo aquilo que você deveria ter em abundância dentro de um relacionamento com uma pessoa especial.

A verdade é que não te condicionaram a ter a sua independência emocional e ser livre para construir os resultados que deseja na sua vida amorosa.

Infelizmente, você recebeu uma programação voltada a ver as coisas de modo superficial e, com isso, acabou se tornando uma pessoa superficial em seus relacionamentos.

Por isso que te convido a ler esse e os próximos conteúdos até o final e levar a sério o que vou apresentar, pois chegou a sua vez de dar o seu grito de independência emocional.

Considere isso como uma conversa particular comigo. Iremos falar sobre algo muito especial, que é você e sua vida amorosa.

Se você ler pela metade e não colocar em prática os exercícios que vou propor, você irá colher resultados pela metade e sua independência emocional continuará sendo um sonho distante.

Portanto, fica comigo até o final, garanto para você que vai ser realmente transformador.

Vamos começar a conversa falando sobre algo que todo mundo repara em você.

O QUE É QUE TODO MUNDO REPARA EM VOCÊ?

Eu quero saber de você: já se arrependeu de agir de um modo que você não gostaria com alguém e depois perceber que os resultados foram diferentes do que você gostaria?

Então observe que, muitas vezes, você meteu os pés pelas mãos, agiu de um modo em que você se deixou levar pelo calor do momento e depois você se arrependeu de ter tido essas atitudes.

Já parou para pensar por que isso acontece?

Reflita sobre o seguinte: o que é que seria esse algo que todo mundo repara em você?

Pois bem, algo que todos reparam em você é o impacto emocional que você consegue criar.

Toda vez que você se relaciona direta ou indiretamente com alguém, seja em uma conversa, interage pelas redes sociais, aplicativos, WhatsApp ou presencialmente, você está criando impacto emocional.

Só que esse impacto emocional que você cria, muitas vezes, é baseado em uma comunicação reativa ou apenas em seu modo automático de agir.

Mas o que é exatamente essa comunicação reativa e modo automático de agir?

É uma comunicação baseada em emoções que limitam seus resultados, que drenam o seu poder.

Por exemplo: Críticas, ciúmes excessivos, carência, vitimismo, possessividade, ter um comportamento grudento marcando muito em cima e sufocando, reclamar de tudo, e por aí vai…

Quando você nota esse tipo de comportamento, muitas vezes você está com seu dedinho apontando para outras pessoas, apontando o que elas precisam mudar.

Só que, na verdade, isso não te traz resultado. Na verdade, isso tira o seu poder, isso tira os seus resultados.

Quando você está acusando outras pessoas, você esquece de olhar para algo que é importantíssimo: a sua capacidade de crescer e se transformar de dentro para fora.

Essa é a primeira coisa que você precisa observar se quiser declarar sua independência emocional.

“Você esquece de olhar para algo que é importantíssimo: a sua capacidade de crescer e se transformar de dentro para fora”.

Olhe para dentro de si. É aí onde está o seu poder, mas você não olha para isso. E vez após vez, você tem aquelas atitudes que criam mais e mais afastamento, levando ao que eu chamo de empilhamento emocional negativo.

Sabe o que é empilhamento emocional? É quando suas atitudes criam emoções que vão sendo somadas, empilhadas umas sobre as outras.

Essas emoções podem ser as que fazem uma pessoa querer estar perto de você (novidade, curiosidade, mistério, escassez, paixão, conexão, desejo e todas as emoções positivas) ou o contrário, emoções que limitam as suas possibilidades: mágoa, culpa, ressentimentos e um conjunto de emoções que fazem com que ela queira distância de você.

Dentro de um relacionamento existe uma espécie de balança emocional.

Alexander, mas como assim? Qual o relacionamento?

Todo relacionamento!

Quando você se relaciona com alguém, cria-se uma espécie de “balança emocional”. Quando ela pesa muito para o lado negativo, a outra pessoa tem um sentimento natural de se afastar e se distanciar de você.

Só que muitas vezes, a balança emocional de um relacionamento está pesando muito para o lado negativo porque você não aprendeu a controlar os seus estados emocionais. Você não aprendeu a dominar as suas emoções e você mete os pés pelas mãos, vez após vez, e se deixa levar pelas emoções do momento.

Sim, muitas vezes, emoções passageiras. Algo que você está sentindo ali só no calor do momento e assim você só reage ao que te acontece, sem criar algo novo, se torna apenas uma pessoa reativa aos eventos da sua vida.

COMO FAZ PARA VIRAR O JOGO AO SEU FAVOR COM A INDEPENDÊNCIA EMOCIONAL?

Você precisa ser capaz de gerar impacto emocional positivo que faça as pessoas ao seu redor desejarem estar com você, principalmente aquela pessoa especial para quem você tem olhos e deseja manter ou resgatar um relacionamento íntimo.

Quando você dá o seu grito de independência emocional, você consegue perfeitamente usar a seu favor as emoções que falam com os desejos mais profundos de qualquer homem ou mulher.

Quero que você reflita agora: qual é a sua capacidade de criar esse impacto emocional que eu estou falando aqui?

  • Você consegue criar esse impacto emocional de uma maneira muito fácil ou você não faz ideia de como criar esse impacto emocional positivo e apaixonante?
  • Quando você vai conversar com quem você gosta, o seu nível de comunicação é extremamente poderoso ou seu nível de comunicação é carente?
  • Você percebe que o seu nível de comunicação não é tão bom quanto você gostaria?

Agora atenção! Estou falando em impacto emocional positivo, pois também causamos impacto emocional negativo.

Então quando você quer causar um impacto emocional positivo em um quem você tem interesse, como é que você faz para que isso possa acontecer?

APRENDA CRIAR UMA PODEROSA EXPERIÊNCIA EMOCIONAL

Saiba que todo mundo observa em você a sua capacidade de criar uma experiência emocional positiva e poderosa. Quando uma pessoa está você, ela imediatamente sente algo e racionaliza isso que está sentindo.

Se é bom, ela começa a falar que adora estar perto de você e começa a criar razões e motivos para que vocês tenham mais contatos.

Porém, se esse impacto emocional é ruim, ela vai encontrar razões e motivos para não ter contato com você e vai te dar os mais variados motivos para não ter contato.

Quer mudar a decisão de uma pessoa? Mude as emoções dela!

No passado, eu passei por esse tipo de situação.

Eu não conseguia mudar as emoções das pessoas que me relacionava.

Sabe por quê? Eu não tinha olhado para a raiz da questão. Eu simplesmente não conseguia. Agia de um modo inseguro, de um modo tímido, ciumento, possessivo, apegado.

E sabe o que acontecia para mim?

O relacionamento nunca dava certo. Eu não conseguia manter um relacionamento, minha vida amorosa e relacionamentos eram fracassados.

Eu começava a me relacionar, achava que tudo estava funcionando muito bem e aí me via de novo no ciclo da rejeição.

Partia para outro relacionamento e novamente estava eu lá, no ciclo da rejeição…

Eu vivia nesse ciclo da rejeição por muitos anos e nunca parei para pensar e refletir que eu poderia mudar algo aqui, em mim. Eu sempre olhava para a outra pessoa.

Só que quando eu olhava apenas para a outra pessoa, eu não tinha poder nenhum.

Sabe por quê?

Porque eu agia de modo inseguro, tímido, agia de um modo ciumento, possessivo, ou seja, não tinha como eu conseguir mudar o resultado ou o que a pessoa sentia por mim tendo essas atitudes.

E eu vivia no ciclo da rejeição porque eu estava em um processo de autossabotagem e não percebia isso.

Eu estava sabotando, estragando os meus relacionamentos, estragando as minhas chances e eu não percebia que isso estava acontecendo. Eu estava completamente no fundo do poço, a quilômetros de alcançar a independência emocional.

O PODER DESTRUTIVO DAS ÂNCORAS EMOCIONAIS

Isso acontecia como resultado sabe de que? Âncoras emocionais.

O que são essas âncoras emocionais?

São coisas que te prendem ao passado. Então muitas vezes você se vê se prendendo ao passado e aí não consegue entender o que está acontecendo em sua vida pois se prendeu ao seu passado e nem nota isso.

Alexander, mas quais seriam essas âncoras emocionais?

Culpa, medo, mágoa, raiva e qualquer conjunto de emoções negativas que estão aí com você e você não consegue olhar para esse tipo de situação.

Alexander, mas eu não fazia nada disso, eu sou uma pessoa perfeita

Vamos ser sinceros aqui um com o outro, ok?

Se você não tem coragem de olhar para suas questões para crescer emocionalmente, de verdade… isso vai, cedo ou tarde, te cobrar um preço muito, muito caro.

Só que para mim também não tinha nada de errado, o problema era sempre a outra pessoa.

Eu olhava: “essa pessoa é assim, essa pessoa é assado“, “eu não fiz nada disso“, “o problema não sou eu, o problema é ela“, “o problema é essa pessoa que não sabe me compreender“.

E aí eu comecei a me colocar em um ciclo de enfraquecimento emocional. O poder estava na outra pessoa. Eu não tinha acesso a ter nenhum tipo de mudança a partir daí.

Sabe por quê?

Se a culpa e a responsabilidade de tudo de errado no relacionamento está na mão da outra pessoa, na mão de quem é que está o poder? Está na mão da outra pessoa.

Colocar o seu poder nas mãos de outra pessoa é a porta de entrada para viver relacionamentos de dependência emocional, o que é completamente oposto à independência emocional.

Só que eu começava a lutar para resolver problemas que nunca acabavam, até que percebi que era eu quem eu os havia criado. Sim, eu criava dezenas de problemas dentro de um relacionamento, e não percebia isso.

VOCÊ NÃO VÊ AQUILO QUE VOCÊ NÃO ESTÁ OLHANDO

Lembre-se sempre disso: “Eu nunca conseguirei ver aquilo que eu não estou olhando”.

Enquanto você não olhar para isso que a gente está conversando aqui, a sua independência emocional, o impacto emocional que você gera, você não consegue mudar e direcionar o relacionamento para o jeito que você quer.

Você às vezes age de modo ciumento, inseguro, possessivo, agressivo, até um pouco irritado, e nem
percebe.

O problema é que provavelmente você não está olhando para isso, você está olhando só para fora de você e abandonando totalmente o seu universo interior.

Quando eu agia assim, eu começava a criar problema atrás de problema.

A nossa mente é orientada a buscar sempre o negativo, a buscar problemas. A nossa mente é orientada pelo medo.

Nosso instinto básico, nosso instinto número 1 é o instinto de sobrevivência. A gente vive o tempo todo buscando meios de sobreviver e quando você está simplesmente olhando para fora de você, não consegue ter um resultado a médio e longo prazo.

Ahh mas os defeitos só eu tenho, a outra pessoa não me quer e eu percebi que só eu que tenho defeitos.

Pare com isso! Não se deixe levar pelo seu padrão automático! Isso aí é um vitimismo disfarçado.

Então não se deixe levar pelo seu automático, não se deixe levar pela voz na sua cabeça de “eu não presto“, “sou a pior pessoa do mundo“.

Não se deixe levar por essas histórias que a sua mente te conta.

SEU MODO AUTOMÁTICO DE AGIR TE IMPEDE DE ALCANÇAR A INDEPENDÊNCIA EMOCIONAL

Sim, temos todos um modo automático de agir, uma espécie de piloto automático que faz com que sejamos uma pessoa reativa.

Igual a um cachorro, igual a um gato, igual a um animal qualquer. Se a gente não para isso, nos tornamos iguais, exatamente iguais, um animal que só reage com base em instintos e emoções primárias.

Quando isso acontece, você só reage, reclama e se conecta com o lado vitimista, se conecta com medo, se conecta com ansiedade, se conecta com a insegurança.

Isso é viver no seu piloto automático. Pare de se conectar só com o seu lado automático, levar a vida assim é desperdiçar sua existência.

Você só conseguirá dar o seu grito de independência emocional quando deixar de agir com base no seu piloto automático.

NÃO SE DEIXE LEVAR SÓ PELA VOZ NA SUA CABEÇA

Alexander, não tem voz na minha cabeça.

Tem certeza que não?

Faça uma pequena pausa de alguns minutos na leitura, vamos escutar essa voz na sua cabeça, nesse exato momento. Vamos fazer uma pausa para você escutar, porque ela está aí. Você vai parar a leitura agora por um momento, e irá começar a perceber que tem uma voz falando aí na sua cabeça.

Conseguiu ouvir?

Não se deixe levar por essa voz. Essa voz é baseada em medo, em insegurança e uma série de pensamentos que te limitam.

Sabe por quê você não se deve deixar levar? Porque isso vai tirar o seu poder, vai te te enfraquecer, não vai te fazer uma pessoa mais forte.

NÃO SE DEIXE LEVAR PELAS SUAS HISTÓRIAS

Ah, Alexander, mas é porque você não sabe o que está acontecendo na minha vida…

Na verdade, a maioria das coisas que essa voz vai te dizer são histórias que você conta para poder parecer bem, para poder ter as mil justificativas e mil razões.

Porém seus resultados contam outra verdade.

Tem algo que eu escutei recentemente que diz muito sobre o que está acontecendo no mundo atual. As pessoas dão muita atenção às histórias, a pensamentos e esquecem de olhar para o que conta a verdade dos fatos.

Sabe o que é que conta a verdade dos fatos?

Resultados.

Então me fala o seguinte: quais são os resultados que você está colhendo na sua vida amorosa?

  • Está incrível, extraordinária?
  • Você tem uma vida amorosa apaixonada?
  • A pessoa que você gosta quer estar na sua presença?
  • Ela faz declarações apaixonadas?
  • Você vive um relacionamento apaixonado nesse momento?

Então pare de escutar essas histórias, porque isso não está dizendo a verdade da sua vida. A verdade da sua vida são os resultados que você colhe.

NÃO SE DEIXE LEVAR PELOS SEUS PENSAMENTOS

Outro ponto essencial dessa conversa que estamos tendo aqui, é que você não deve acreditar também em seus pensamentos. Seus pensamentos, muitas vezes, estão te colocando só para reagir e você nem se deu conta disso.

Lembra que eu falei… igual um cachorro, igual a um gato.

Quando você só reage, você vive o seu comportamento animal com base apenas em instintos.

Alexander, quer dizer então que eu não devo ouvir meus próprios pensamentos? O que é que eu devo fazer então?

Sim, você deve estar presente!

Você está presente agora, neste momento, ou você está aí dentro da sua cabeça, viajando nas suas histórias?

Esteja presente, volte para esse momento atual.

Essa é a definição de consciência, de você estar consciente.

Na maioria das vezes, a sua vida está passando e você não está presente, não está nem prestando atenção no que está acontecendo.

Se você quer saber como estar presente e acessar a sua consciência, existe uma técnica muito simples que faz você voltar para o momento atual imediatamente.

Mas como esse artigo já está ficando longo e cansativo demais, é melhor a gente dar uma pausa aqui, tomar um ar, tomar uma água ou quem sabe um café, esfriar a cabeça e continuar a leitura na Parte 2…

Antes disso, coloca nos comentários logo abaixo a sua impressão sobre o que acabou de ler até aqui. Compartilha comigo a sua situação, e me deixa saber se algo do que eu disse faz sentido para você. Eu vou ficar imensamente feliz em ler e responder cada comentário.

Não vá embora ainda!

independência emocional - como reconquistar o ex

VOCÊ ESTÁ A UM CLIQUE DE DECLARAR SUA INDEPENDÊNCIA EMOCIONAL

O erro que a maioria das pessoas comete quando desejam ser emocionalmente livres e ter total controle da sua vida amorosa e relacionamentos é não seguir uma metodologia estruturada para dominar suas emoções dentro dos relacionamentos.

Não adianta você ter como objetivo conquistar, reconquistar, manter alguém ao seu lado, ou até mesmo salvar um relacionamento, e seguir uma direção em que suas atitudes emocionais só afastarão mais e mais quem você gosta… Concorda?

Por isso eu vou disponibilizar para você uma oportunidade para você ter em suas mãos ainda hoje a metodologia estruturada completa para não apenas alcançar sua independência emocional, mas também desenvolver uma verdadeira BLINDAGEM EMOCIONAL por completo.

Se você quer ter acesso às melhores técnicas e ao passo a passo exato de como aplicar cada uma delas, tendo literalmente um mapa que te levará a saber como dominar todas as suas emoções dentro dos relacionamentos e se tornar uma nova pessoa, é exatamente isso que você encontra dentro do COMBO BLINDAGEM EMOCIONAL.

Para saber todos os detalhes sobre essa oportunidade, acesse agora mesmo o botão vermelho logo abaixo.

Quero Dar Meu Grito De Independência Emocional Hoje

Ah! Salva essa página nos favoritos do seu navegador e vamos para Parte 2.

Um grande abraço!

QUERO LER A PARTE 2 AGORA

Sobre Alexander Voger

Leia também...

Protegido: 9 Frases Sutis Para Fazer Uma Mulher Voltar A Te Responder

Não há resumo por ser um post protegido.

Descubra o segredo para fazer alguém correr atrás de você... Acessar Agora ➔
Hello. Add your message here.